Atrações Turísticas

Home • Turismo • Rio Piraquê-Açu

Rio Piraquê-Açu

No município de Aracruz correm vários rios de porte, sendo o principal o Rio Piraquê-Açu, que nasce na Florestal do IBAMA (Reserva Ecológica da Nova Lombardia ou Augusto Ruschi) a uma altitude de 1000m. no município de Santa Tereza, passa por João Neiva, alcançando o Município de Aracruz pela localidade de Santa Maria, onde há uma barragem que foi utilizada para obtenção de energia elétrica. 

O Rio Piraquê-Açu é a principal fonte de abastecimento de água para a região e dele dependem cerca de 140.000 pessoas, e faz parte da Bacia do Piraquê da qual faz parte mais um rio o Piraquê-Mirim. O Piraquê-açu possui 50 Km de extensão e o Piraquê-Mirim 22 Km. A confluência destes dois rios forma o Piraquê propriamente dito, cuja foz se encontra a 4 Km do ponto de confluência, na Vila de Santa Cruz com vista privilegiada alcançando cerca de 500 metros de largura, formando uma enseada belíssima, onde as águas do rio encontram-se com o mar. 

Os 15,80 Km² de manguezais da bacia do rio Piraquê representam a maior área de manguezais por município do estado do Espírito Santo ocupando posição de destaque. O manguezal dos Rios Piraquê - Mirim se destaca por ser um ecossistema de grande biodiversidade têm grande importância para a sociedade local, em especial as de ordem social, no fornecimento de alimentos na preservação das características gastronômicas na geração de renda e ser ponto de exploração turística.

O rio é navegável em quase toda sua extensão, por barcos e por escunas, e com uma profundidade que varia entre 2 metros até mais de 15 metros de profundidade. Suas águas salgadas são ricas em espécies como: robalo, tainha, vermelho, sirioba e carapeba.